O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACEI, Sérgio Velanes, em nome de toda a diretoria da entidade, manifesta profundo pesar pelo falecimento de uma das grandes lideranças do Sul da Bahia, Helenilson Jorge de AlmeidaChaves.

Personalidade marcante para o segmento empresarial de Itabuna e região, Helenilson foi presidente da ACEI e deixou um legado importante para o fortalecimento da entidade e a defesa do empresariado local.

Neste momento de grande tristeza, rogamos a Deus que conforte os amigos e toda a família Chaves.

 

Presidente da ACEI

Sérgio Velanes

Os microempreendedores individuais de Itabuna podem participar, até a próxima sexta-feira (5), da Semana MEI promovida pelo Sebrae em parceria com o Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS), CrediAmigo, Banco do Povo e Sala do Empreendedor da Prefeitura Municipal de Itabuna. O evento foi aberto na manhã de segunda-feira, na Rua Paulino Vieira, 157, centro, com uma programação que incluem capacitações para o microempreendedor individual (MEI) por meio de oficinas, palestras e orientações técnicas.

 

A agente administrativa, Priscila Nascimento, da Sala do Empreendedor da Prefeitura de Itabuna, explicou que a proposta da Semana do MEI é permitir que os microempreendedores, ao participarem de palestras e orientação dadas por técnicos especializados no assunto, possam esclarecer dúvidas, se atualizar sobre as novidades em benéficos destinados a eles e, com isso, aprendam a transformar um pequeno negócio em um grande sucesso. Ela lembra que o evento é gratuito.

Priscila informou ainda que o mutirão tem como foco o auxílio a empreendedores que querem se tornar um MEI, bem como fazer a declaração anual e tirar dúvidas com relação à atividade.  A organização do evento decidiu realizar a programação em horários diferentes, de modo que possa atender a categoria de acordo com sua disponibilidade de horário.

Nesta terça-feira (02), por exemplo, o horário de atendimento será das 14 às 17 horas com a palestra “Quero ser MEI”, e das 18 às 22 horas, com a palestra “Sei planejar”. Na quarta-feira (03), a primeira palestra abordará novamente o tema “Quero ser MEI” e terá inicio às 14 horas, seguindo até às 17 horas. A segunda palestra, com tema “Sei formar preço” terá inicio às 18 horas, indo até às 22 horas.

A programação segue na quinta-feira (4), entre às 18 e 22 horas, com a  palestra “Sei controlar o meu dinheiro”. No ultimo dia, sexta-feira (05), o tema “Quero ser MEI”  volta a ser abordado dentro da programação que terá inicio às 9 horas da manhã indo até ao meio-dia.

 

____________________________

Prefeitura de Itabuna

Diretoria de Comunicação Social 

 

“O Teatro Municipal de Itabuna não será destinado apenas às apresentações culturais ou à realização de eventos locais ou nacionais. Será também uma importante ferramenta para movimentar o comercio local e, por extensão, a economia regional. Estamos bastante confiantes”. A declaração foi do presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDL), Carlos Leahy, que junto com outros empresários atenderam ao pedido do prefeito Fernando Gomes, para uma visita, na semana passada, às obras do teatro.

Leahy disse reconhecer o esforço do município para acelerar as obras e entregar um importante empreendimento que irá beneficiar a população regional.  Ele destaca que, quando estiver em funcionamento, o teatro receberá público de várias cidades para eventos, espetáculos, movimentando restaurantes, salões de beleza, hotéis. “Estamos em torcida para que as obras sejam concluídas até o final deste ano, como é pretensão do prefeito Fernando Gomes”.

Já o presidente do Sindicom, Rolemberg Macedo se mostrou surpreso com a estrutura física do empreendimento ao comentar que sem duvida é uma obra grandiosa e benéfica para Itabuna. “O prefeito Fernando Gomes está de parabéns mais uma vez, porque é um homem que pensa grande, tem visão e pensa futuro”.

O presidente da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna (ACI), Sérgio Valanes também comentou sobre a estrutura, qualidade e funcionalidade do teatro, destacando que o município receberá um grande presente de fim de ano. “Teremos um teatro de nível nacional que será um divisor de água, se pensarmos em grandes eventos ligados à cultura, turismo de negócios, entre outros, que seguramente mudarão o perfil da região”. 

Após a visita do grupo de representantes do comercio local, o prefeito Fernando Gomes confirmou que todos os esforços estão sendo empreendidos para que o empreendimento seja entregue à população até dezembro deste ano. Ele voltou a lembrar que as obras retomadas em março deste ano, ficaram paradas por mais de 10 anos e a continuidade delas só foi possível por causa do convênio assinado entre o Governo do Estado e o Município.

Para garantir a continuidade da obra, assegurar a qualidade do serviço, obedecendo às normas ambientais, de segurança e de acessibilidade para atender a legislação, além de seguir corretamente o projeto, o prefeito transferiu o gabinete para um estande numa das áreas laterais do teatro, de onde despacha diariamente. “Quero entregar à população uma obra de qualidade, importante e de grande utilidade social, econômica, artística e cultural porque Itabuna merece”, concluiu o prefeito.

____________________________

Prefeitura de Itabuna

Diretoria de Comunicação Social 

Em mais uma Reunião Ordinária da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna – ACI, realizada nesta segunda-feira, 1º, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista do Comércio de Itabuna – Sindicom, os empresários acompanharam a apresentação de propostas dos candidatos ao cargo de deputado Estadual, Geraldo Simões, e Federal, Maruse Dantas.

          Maruse é candidata ao Legislativo Federal pela primeira vez e destacou que colocou o seu nome na disputa eleitoral com a perspectiva de resolver algumas demandas da região. Caso seja eleita, a candidata explicou que precisará ouvir as demandas da população, das entidades de classes e de demais setores da sociedade. “A ideia é verificar o que for necessário para lutar e trazer recursos para a região. Além disso, fiscalizar a aplicação desses recursos, que é uma responsabilidade que pretendo fazer em conjunto com os conterrâneos”.

          Já o candidato a deputado Estadual, Geraldo Simões, foi prefeito de Itabuna nos mandatos de 1993 à 1996 e 2001 à 2004, deputado Estadual no mandato de 1991 à 1992 e deputado Federal nos mandatos de 1999 à 2000, 2007 à 2010 e 2011 à 2014. A escolha pelo cargo no Legislativo Estadual deve-se as composições políticas firmadas no estado da Bahia, visando a execução de projetos de campanha em prol da região, a exemplo da instalação de um Pólo Industrial em Itabuna com o objetivo de fomentar a geração de emprego e renda.

Campanha

Com o objetivo de incentivar o voto em candidatos que são da região, para uma vaga no Poder Legislativo Estadual e Federal, as entidades empresariais promoveram todas as segundas-feiras um encontro para debater as propostas de campanha. De acordo com o presidente da ACI, Sérgio Velanes, “as reuniões foram uma grande oportunidade para os empresários conhecer e analisar as ideias para um voto consciente”.

 

Os candidatos a deputado Federal, Solon Pinheiro e Estadual, Cacá Colchões participaram, nesta segunda-feira, 24, de mais um encontro promovido pela Associação Comercial e Empresarial de Itabuna, Câmara de Dirigentes Lojistas de Itabuna (CDL) e o Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista do Município de Itabuna – Sindicom com o objetivo de ouvir as propostas de campanha dos candidatos da região.

Os candidatos parabenizaram a iniciativa das entidades no sentido de abrir espaço para ouvir e analisar ideias, a fim de fomentar o voto consciente entre os empresários. A ideia, segundo o presidente da CDL, Carlos Leahy, é eleger candidatos que representem o Sul da Bahia no Poder Legislativo Federal e Estadual, a fim de atender os diversos pleitos regionais, a exemplo da geração de emprego e renda para Itabuna e região.

Sobre isso, Solon destacou que, ao ser eleitor, vai trabalhar em parceria com as entidades de classe e declarou que uma de suas propostas é viabilizar o maior percentual das emendas para a região, afim de promover a geração de recursos. Ao mesmo tempo, ele declarou que estará atuando de forma eficaz na fiscalização da aplicação desses recursos que serão implementados na região.

Ainda durante a sua fala, Solon declarou que foi vereador em Itabuna no mandato de 2008-2012, e nos anos seguintes ficou como suplente. Ao se colocar com o candidato ao cargo de deputado federal, Solon declara que a região precisa de representantes no Legislativo, e se declara como “fruto da nova geração da política, com o pensamento moderno e inovador, capaz de fortalecer a região e conquistar recursos”.

Já o candidato a deputado estadual, Carlos Machado de Andrade Filho, “Cacá Colchões” foi vice-prefeito de Ilhéus no mandato de 2013 a 2016 e é candidato a deputado Estadual pela segunda vez com a proposta de lutar pela Região Metropolitana, com o apoio dos prefeitos da região. Ele ainda defende a construção de um parque industrial na região, a revitalização do aeroporto de Ilhéus e a construção de um aeroporto internacional para a região.

Falou ainda em investir na vocação econômica da região, destacou que precisa de todas as associações de classe e sindicatos unidos para requerer os investimentos necessários. O candidato falou em fortalecimento das Santas Casas de Misericórdias e propostas de educação em tempo integral para a região. “Precisamos eleger candidatos que conheçam e tenham coragem para defender a região sul da Bahia no Poder Legislativo”, declarou Cacá.

 

Em mais uma Reunião Ordinária da Associação Comercial e Empresarial de Itabuna realizada nesta segunda-feira, 17, em parceria com a Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL) e o Sindicato do Comércio Atacadista e Varejista do Comércio de Itabuna – Sindicom, os candidatos a deputado federal Guilherme Galvão e estadual Augusto Castro apresentaram propostas de campanha e falaram sobre a importância da eleger representantes políticos da região.

Durante a sua fala, Guilherme falou sobre a crise do cacau com a devastação da Vassoura de Bruxa, o endividamento dos cacauicultores, e destacou que resolveu ser candidato com o objetivo de aumentar a representação da região no Congresso Nacional, a fim de melhor negociar as emendas em favor da economia regional.

“Nós somos órfãos de representação política em Brasília. Precisamos de alguém que vai defender os interesses da região, a favor da propriedade e da família. Precisamos terminar de resolver o problema de endividamento para contrair crédito novo e promover o crescimento da região”.

Já o deputado estadual Augusto Castro, que busca a reeleição, falou das ações que vêm desenvolvendo ao longo do mandato, em prol da implantação da Região Metropolitana e a captação de recursos em mais de R$ 11 milhões para Itabuna. Ele destacou ainda, que “a falta de representação política criou um enfraquecimento muito grande para a região, que sofreu com a crise da lavoura cacaueira”.

Campanha

Com o objetivo de incentivar o voto em candidatos ficha limpa e que são da região, para uma vaga no Poder Legislativo Estadual e Federal, as entidades empresariais estão promovendo toda semana um encontro para debater as propostas de campanha. De acordo com o presidente da ACI, Sérgio Velanes, “as reuniões têm sido uma grande oportunidade para os empresários conhecer e analisar as ideias para um voto consciente”.

O setor de serviços não financeiros (manicure, pedicure, bares e restaurantes, entre outros) tinha em 2016 mais de 1,3 milhão de empresas ativas, o que gerou uma receita operacional líquida de R$ 1,5 trilhão e foi responsável pela ocupação de 12,3 milhões de pessoas, uma média de 9 pessoas por emprego. O total de salários, retiradas e outras remunerações dessas empresas foi de R$ 327,6 bilhões. No entanto, o estudo contabilizou 410.489 postos de trabalho a menos do que em 2015, uma queda de 3,2%, conforme dados da Pesquisa Anual de Serviços (PAS) 2016, que o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) divulgou hoje (24).

O segmento que mais contribuiu para esses resultados foi o de serviços profissionais, administrativos e complementares, que possuía a maior participação no pessoal ocupado, e que fechou entre 2015 e 2016 com recuo de 3,5% no número de postos de trabalho.

O rendimento médio por trabalhador foi de R$ 2.048 em 2016. As empresas dos serviços de informação registraram a maior média salarial, com R$ 4.119 mil, enquanto os serviços prestados às famílias apresentaram a menor média: R$ 1.288 mil. Em relação à massa salarial, serviços profissionais, administrativos e complementares tiveram a maior participação, respondendo por 35,8% da massa salarial do setor de serviços.

Já está definida a programação do Dia Internacional do Cacau 2018, que será realizado pela CEPLAC/MAPA em 18 de setembro, no auditório Hélio Reis, no Cepec”, com o objetivo de difundir para os produtores e demais atores da cadeia produtiva do cacau novas informações tecnológicas que proporcionem o aumento da produtividade sustentável da lavoura cacaueira e a verticalização da produção.

Tendo como temática  “CEPLAC em Ação”, a programação terá como destaques: a apresentação de projetos exitosos da CEPLAC, que será feita pelo chefe do Centro de Pesquisas do Cacau, Jose Marques Pereira e o lançamento de Clones CEPEC-2176 e CEPEC-2204, com palestra do pesquisador do Cepec, Uilson Vanderlei Lopes, e ainda homenagens a produtores e técnicos que se destacaram na realização das suas atividades e contribuíram para o desenvolvimento da cultura do cacau.

Serão destacados também os projetos: “Cacau de Alta Produtividade”, dos Sistemas Agroflorestais com cacau e seringueira, consórcios e conservação ambiental, apicultura, os avanços na prevenção e monitoramento da Monilíase do Cacaueiro, e ainda, capacitação profissional dos jovens empreendedores, produtores e trabalhadores rurais. A programação prevê ainda a assinatura do convênio de Cooperação Técnica entre a CEPLAC e Incra/ATER (Assistência Técnica e Extensão Rural).

 

O evento deverá receber aproximadamente 300 participantes, entre técnicos, produtores de cacau, agricultores familiares, chocolateiros, profissionais de comunicação e autoridades regionais. As parcerias e gestões visando à organização do evento estão sendo desenvolvidas pelo Grupo de Trabalho constituído pelo Coordenador da Superintendência da CEPLAC para BA e ES, Carlos Alexandre Brandão.

Segundo Carlos Alexandre Brandão, “o evento visa fortalecer o relacionamento entre produtores, técnicos e instituições participantes e compartilhar experiências e conhecimentos entre pesquisadores, extensionistas, empreendedores, produtores e trabalhadores da cacauicultura, além de outros atores e instituições ligadas à Cadeia Produtiva do Cacau, como forma de melhorar a sustentabilidade dessa importante atividade”.

Seguindo a tradição de outras edições do evento, serão homenageados os cacauicultores que mais se destacaram no ano, principalmente com relação à alta produtividade do cacaueiro, além de outras categorias como o jovem empreendedor, o melhor produtor que fabrica chocolate, além de servidores da CEPLAC que mais se destacaram nas áreas de cacau e chocolate.

O “Dia Internacional do Cacau” é comemorado pelos países produtores como uma forma de registrar a importância econômica, ambiental e social do referido produto no mundo. Essa data foi criada em Turrialba, Costa Rica, em 1958, por sugestão do cientista americano Robert Fowler, durante uma Conferência Internacional do Cacau, que reuniu especialistas de todo o mundo.

  • 1
  • 2

FUNDADA EM 14 DE JUNHO DE 1908
Rua Osvaldo Cruz, nº 56
Edf. União Comercial, 9º andar
45600-040 - Itabuna - BA
Fone:(73) 3613 - 1171
Fax:(73) 3613 - 1190
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Desenvolvido por: 

Assine

Nome:

Invalid Input

Email:(*)

Invalid Input